Hospital Arcanjo São Miguel é tema de encontro na Câmara de Gramado

A preocupação dos vereadores de Gramado com a situação atual do Hospital Arcanjo São Miguel já é de conhecimento geral. Inúmeros pedidos e sugestões já foram enviados para a entidade no intuito de auxiliar a administração.

Para que uma solução de fato seja possível, nesta quinta-feira (09), os vereadores estiveram reunidos com a nova comissão interventora, representada no encontro por Paulo Rogério Oliveira, presidente da Comissão Interventora, e Márcio Slaviero, diretor superintendente.

Os representantes da Comissão Interventora apresentaram relatório do primeiro mês de gestão, ou seja, de 01 de julho à 31 de julho. No documento, o valor repassado pela Prefeitura, Fundo Nacional de Saúde, Fundo Estadual de Saúde, Unimed, Circulo, IPE, alugueis, cartão São Miguel, estacionamento entre outros.

Eles afirmaram que estão avaliando os processos de compras, no intuito de diminuir os custos, bem como buscam renegociar os contratos com os médicos e prestadores de serviços. Também destacaram que a equipe São Miguel é formada por 330 funcionários.

A Comissão informou que a divida do hospital é de aproximadamente R$ 3,2 milhões e que para sanar esta questão estão solicitando ao Executivo, através de ofício, empréstimo de R$ 6 milhões, destes R$ 2,8 buscam pagar empréstimo anterior da Prefeitura à entidade. Assim, estarão recebendo de fato R$ 3,2 milhões.

Sobre a questão de atendimentos, os Representantes do Hospital, destacaram o alto número de não gramadenses, este chega a 28,6% dos pacientes (SUS/Convênios). Para finalizar destacaram que ainda estão levantando dados sobre a entidade e que estão a disposição para responder questões do Legislativo e que contam com o apoio da Câmara na recuperação financeira do Hospital.

O encontro foi promovido pela Comissão de Infraestrutura, Turismo, Desenvolvimento e Bem-Estar da Câmara, formada pelos vereadores Dr. Ubiratã, Professor Daniel e Rosi Ecker Schmitt, e contou com a participação dos demais, Everton Michaelsen, Luia Barbacovi, Manu Caliari, Rafael Ronsoni e Volnei da Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *