International Pro de Jiu-Jitsu divulga Gramado para todo o Brasil

Gramado abriu a portas para mais de 700 atletas vindos de diversos lugares do mundo para o International Pro de Jiu-Jitsu, que ocorreu neste final de semana, no Ginásio José Francisco Perini, o Perinão, e que reuniu um público de mais de 2 mil pessoas.

No sábado (7), o dia foi voltado para a capacitação e atualização dos atletas, com uma série de Workshops. Já o domingo (8) foi de competições, inclusive na categoria parajiu-jtsu.

Para o presidente da Federação Brasileira de Jiu-Jitsu, Walter Mattos Filho, o International Pro de Gramado superou as expectativas. “Foi maravilhoso, tivemos vários campeões, o prefeito Fedoca e diversas autoridades prestigiaram o evento, o que mostra a valorização da cidade aos atletas que por aqui passaram”, disse.

Segundo Walter, os finalistas do International Pro já ganham ponto para lutar o Grand Slam no Rio de Janeiro, cujos vencedores vão para disputas em Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes Unidos. “Em Abu Dhabi, a prática do jiu-jtsu é obrigatória nas escolas. Se o International Pro fizer parte do calendário esportivo de Gramado, eu acredito muito na vinda de uma comitiva dos Emirados Árabes para Gramado”, finalizou o presidente.

O prefeito Fedoca Bertolucci, e o secretário de Esporte e Lazer, Jacó Schaumloeffel, prestigiaram as competições. Fedoca participou também da entrega de medalhas durante as premiações.

Para o secretário Jacó, a vinda da competição para Gramado trouxe muitos pontos positivos, como o incentivo ao esporte, a participação de atletas locais e o turismo esportivo.

Segundo ele, já está sendo definida a data do International Pro de Gramado para o próximo ano. “É muito bom ver Gramado no cenário nacional através do jiu-jitsu. Este é um grande evento que, com certeza, entrará no calendário esportivo da cidade”, comemora Jacó.

O International Pro de Gramado integra a segunda etapa do calendário da UAE Jiu-Jitsu Federation no Brasil/temporada 2017/2018. O evento foi transmitido ao vivo para todo o país pelo Canal Combate do SporTV.

Brasileira que reside em Abu Dabhi prestigiou evento em Gramado

Há 15 anos sem lutar no Rio Grande do Sul, o International Pro de Gramado marcou a volta aos tatames da professora de jiu-jtsu, Caroline de Lazzer, 38 anos. Natural de Caxias do Sul e moradora de Abu Dhabi há nove anos, Caroline afastou-se das competições do esporte há cinco, quando teve dois filhos.

“Eu falei que essa seria a minha volta às competições. Eu comecei no jiu-jitsu com 21 anos, lá em Caxias. As oportunidades do esporte e valorização me levaram a Abu Dhabi. Eu era atleta da Seleção Brasileira de Wrestling, e surgiu a oportunidade de trabalhar para o governo dos Emirados. Farei o possível para voltar para o Grand Slam em novembro, mas antes vou lutar os campeonatos em Abu Dhabi e depois Los Angeles. Vou tentar fazer este circuito e depois eu já posso me aposentar e investir na carreira dos filhos”, finalizou.

Inclusão faz parte do jiu-jitsu

Não existem barreiras na hora da prática do esporte e com o jiu-jitsu não é diferente. Durante o final de semana, cerca de 60 atletas de parajiu-jtsu estiveram presentes no International Pro de Gramado. A categoria é composta por competidores que tenham algum tipo de deficiência mental ou física.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *