MDB de Gramado segue trazendo mais verbas para a Cidade

Nesta terça-feira (09), membros da executiva, vereadores, secretários e subsecretários do MDB de Gramado estiveram reunidos no espaço de convivência partidária com o prefeito de Gravataí, Marco Alba, sua esposa, Patrícia Alba, e com o deputado federal, Jones Martins.

O encontro foi promovido para o partido agradecer a destinação de mais de R$ 347 mil para Gramado, sendo R$ 242 mil para recuperações asfálticas, R$ 80 mil para aquisição de uma ambulância e R$ 25 mil para um consultório odontológico.

De acordo com o presidente do partido e secretário de Obras, Flávio Souza, o deputado federal, Jones Martins, foi um grande parceiro em Brasília. “O deputado não tem medido esforços para ajudar a nossa comunidade e atendeu a um pedido do partido local. O valor de R$ 242 mil para recapeamentos asfálticos contribuirá em muito com o melhoramento de algumas ruas, proporcionando melhores condições de trafegabilidade aos munícipes”, disse Flávio.

Para o secretário de Saúde, João Teixeira, as emendas voltadas para área da saúde são muito bem-vindas. “Agradecemos ao deputado pelos valores encaminhados para aquisição de uma nova ambulância e dos equipamentos para o consultório odontológico, seguimos na luta para melhorar os equipamentos de saúde para a população gramadense, que merece nosso melhor”, frisou Teixeira.

Segundo o vice-prefeito, Evandro Moschem, o MDB de Gramado vem cumprindo sua missão como partido político e contribuindo com o governo, liderado pelo prefeito Fedoca. “Estamos fazendo nossa parte, dando sustentação politica e contribuindo em verbas para o prefeito e equipe fazerem as obras necessárias em Gramado”, pontuou Evandro.

O deputado federal, Jones Martins, destacou a importância do vice-prefeito, Evandro Moschem, na captação desses  recursos. “Lutei com o Evandro e o MDB de Gramado por esta parceria. Por conta dela, podemos ajudar a comunidade de uma das Cidades mais importantes do Brasil”, frisou Jones.

Por fim, vale ressaltar que as verbas anunciadas dependem agora de pagamento do Governo Federal, que segundo informações, deverão acontecer no decorrer do ano de 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *