ONG Consciência Animal apresenta propostas para Fedoca e Evandro

Os candidatos da oposição, à prefeitura de Gramado, Fedoca (PDT) e Evandro Moschem (PMDB), participaram, na última terça-feira (16), de um encontro para discutir as políticas públicas sobre a defesa animal. O evento aconteceu no Hotel Serra Azul.

Na ocasião, a presidente da ONG Consciência Animal, Luciana Niederauer, e o vice-presidente da Organização, Roberto Moser, apresentaram diversas propostas que estão sendo estudadas pelos candidatos para a inclusão no Plano de Governo da Oposição, que vem sendo construído de forma conjunta com a comunidade.

As propostas apresentadas pela ONG são: as castrações ininterruptas; o programa de orientação sobre posse responsável, via agentes comunitários de saúde; a criação e estimulação da cultura do cão comunitário, sob supervisão e orientação do poder público; a criação de uma clínica veterinária pública; a fiscalização rígida nos criadouros comerciais de animais domésticos; a manutenção do abrigo público, como albergue temporário para um pós-atendimento veterinário; a manutenção de convênio com clínica para atendimento de emergência em casos de atropelamentos, fora do expediente; o treinamento e capacitação de voluntários para ajudar no atendimento de emergências; a extinção gradativa do serviço de hotelaria; a criação de lei que regule as feiras de adoção; a coibição terminantemente dos fogos de artifícios que possam agredir a fauna silvestre; as campanhas de adoção de forma contínua; e a implantação do currículo auxiliar sobre posse responsável nas Escolas da rede municipal.

De acordo com Moser, é um conjunto de ações que vai resolvendo o problema que o município e região enfrentam na proteção aos animais. “Nós estamos fazendo nossa contribuição, atuando de forma voluntária na prevenção. Como cidadãos tentamos olhar para a frente, mas precisamos de mais pessoas engajadas nessa causa. Sabemos que não vamos ter o resultado agora, mas estamos plantando agora para ter bons resultados no futuro”, destacou Moser.

Evandro afirmou que é importante que se tenha um debate constante sobre a consciência animal e pra que isso ocorra precisa ter vontade política de quem governa o município. Por isso, também a importância da criação do Conselho do Fundo Municipal para captar verbas tanto federais como estaduais. “O poder público tem que trabalhar cada vez mais para contribuir com essas ONGs e Institutos que são muito importantes para a sociedade, são um braço indireto do poder público que inegavelmente deve ser incentivado cada vez mais”, frisou o candidato a vice.

Para Fedoca, primeiramente, a administração precisa ter princípios. “É a partir dos princípios que vamos disseminando as ideias e fixando os programas, mas é indispensável, que saibamos da inutilidade de defender princípios se não vivermos de acordo com eles” destaca Fedoca que quer implantar em seu governo uma coordenadoria vinculada à proteção aos animais. “Nós temos esse princípio que é defender a causa animal e transformar Gramado numa cidade humana, que possa conviver com os animais domésticos em plena harmonia”, completou.

3 comentários em “ONG Consciência Animal apresenta propostas para Fedoca e Evandro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *