Vereador diz que empresário que quer construir estacionamento de ônibus no bairro Avenida Central age de má fé

O vereador Renan Sartori, durante a sessão ordinária da Câmara Municipal, desta segunda-feira (12),  falou sobre o estacionamento rotativo de ônibus da Avenida Central, próximo a Escola Presidente Vargas. Ele disse que a questão do estacionamento parecia estar resolvida, mas é um assunto que volta em pauta todo o ano.

”Um assunto que é debatido há anos, e que parece ter um entendimento da comunidade, grupo escolar, embasamento no Código de Posturas, que é a não instalação do estacionamento, e o Executivo tem pareceres contrários a esse empreendimento. O Executivo municipal não quer o estacionamento na Avenida Central, pois foi negado o alvará por anos. Mas esse empresário, que quer construir, está pressionando mesmo contra a comunidade, escola, e poderes constituídos”, disse Renan Sartori.

Ele disse que “está havendo má fé do empresário, pois se sabe da necessidade de se encontrar ônibus, mas essa questão já estava resolvida em prol da comunidade, pois já havia sido resolvido que não seria nesse local. Há uma constatação que não terá estacionamento no local”, pontuou Renan.

Ele informou que falou com o prefeito Fedoca sobre o assunto, que se comprometeu em tomar providencias, fazendo uma defesa para alegar má fé do empresário, para revogar o alvará expedido. “Assim, irá prevalecer a força da Associação do Bairro. No final da tarde recebi o documento que diz que o Executivo é contra o estacionamento. O prefeito cassou o alvará, conforme documento que leio aqui, que foi enviado pelo prefeito Fedoca, que atendeu ao pedido da comunidade”, finalizou Renan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *